CÂMARA MUNICIPAL DE TRÊS LAGOAS

----- O PODER DO POVO -----

   
 
 
Solenidade será hoje, às 19h
 
Câmara presta homenagem póstuma a “Julinho do Frigotel”
05/07/2019
 

A Câmara Municipal de Três Lagoas realiza sessão solene, nesta sexta-feira (5), para prestar homenagem póstuma ao empresário Júlio Ferreira Xavier, proprietário do Frigotel, morto em 2010.

A solenidade coincide com a aprovação do projeto de lei, de autoria do vereador André Bittencourt, que passa a denominar como Júlio Ferreira Xavier, a antiga avenida Ponta Porã.

O homenageado

Nascido em 28 de janeiro de 1933, em Douradino, na comarca de Machado, em Minas Gerais, Júlio iniciou no setor de carnes aos 21 anos, ao comprar um pequeno açougue no bairro Tupy, próximo às cidades de Birigui e Araçatuba (SP). Posteriormente, começou a trabalhar com venda de gado, na região. Mas acabou voltando a atuar também com açougues, chegando a ter oito em Araçatuba.

Em 1969, comprou uma fazenda em Três Lagoas, onde funcionava o abatedouro municipal e implantou melhorias estruturais e na forma de trabalhar, visando a higiene e a qualidade do produto. Em 75, mudou-se para o município e iniciou a construção do Frigorífico Três Lagoas Ltda, o Frigotel.

Inicialmente, o frigorífico abatia 80 animais por dia, mas chegou a abater mil cabeças e empregar mil pessoas, diretamente. Lá, seus funcionários contavam com médico, dentista, refeitório, assistência social e transporte próprio. Foi a primeira empresa a gerar empregos em larga escala, no município.

Com a evolução dos negócios, chegou a ser um dos grandes geradores de impostos para o Estado e a exportar para países como Inglaterra, Itália, Suiça, Alemanha, Israel, Hong Kong e Singapura, levando o nome de Três Lagoas estampado nas caixas de armazenamento e transporte.

Júlio recebeu Título de Cidadão Três-Lagoense pelos serviços prestados ao município. Também conhecido como “Seu Julinho”, foi casado com Lenita Thereza Roncato e teve dois filhos: Júlio Eduardo e Fernando Luiz.

A solenidade será às 19h.